Domingo, 24 de Abril de 2016

...

Geografias:

Os canaviais do rio Lisandro, as tendas de índio que fazíamos na foz, as ondas qual adamastor a engolir o rio, e as casas mágicas, minúsculas, enormes, da única rua, em que nós éramos reis.

Todos os caminhos de pó entre alto dos moinhos e vila baleia, a tocar no rio e na igreja da senhora do ó, as searas de trigo, os pinheiros, os eucaliptos, as vinhas e as amoreiras, o campo aberto, e a mata cerrada, os poços e as cobras, as mós e os moleiros, que serviam de enredo às nossas aventuras.

O embalar de azuis do princípio do Alentejo: Tróia, santo André, Sines e São Torpes, a minha rua, a rua do parque e o parque no fim da rua, eu a saltar o muro para casa dos vizinhos, os legos da Lili, o feijão no nariz da Marta, o botão da televisão no dedo do André, a Madalena a ver em repeat o "música no coração", o Pedro a andar de bicicleta e eu a partir o queixo, a descida da casa dele até à praia, as pedras polidas e negras da praia de água quente, o começo dos sonhos de criança em sótão que não era meu, em casa feita de lençol emprestado.

A quintinha dos meus avós, o passeio de flores, o baloiço de corda, as videiras a fazer sombra, eu ora a subir à figueira, ora a comer os morangos do chão, o leite creme, o bolo de laranja, a gemada, a sopa de feijão tudo temperado com as histórias da minha avó. A minha avó. Os pintos, os patos, os coelhos, as cabras, os ouriços e os gatos, companheiros de brincadeiras imaginadas, a fugir do mundo real, sempre.

Os azulejos e a tábua corrida do Liceu Camões, o coreto da praça José Fontana, os pasteis de nata do pai Viegas, eu a apaixonar-me pelos lusíadas, a apaixonar-me pela primeira vez, todos os caminhos que vão dar ao Saldanha, a cidade vista de dentro, tudo o que a geografia esconde.


publicado por agoraeu às 16:10
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Irreal

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. I'd Rather Dance With You

. 32 e a estatística próxim...

. ...

. ...

. o silêncio

. about you

. ...

. surrealismo inconsciente

. Stuck

. ...

. És feliz?

. comunicado idiota que só ...

. ...

. definição de medo

. insónias

. real

. Deixa que a moral da hist...

. ...

. ...

. tempo

. ...

. felicidade

. ...

. ...

. 31

. heterônimos e tentativas ...

. amor

. ...

. Células e estatísticas

. Mau feitio

. coragem gasta pelo tempo

. ...

. Fim da Luta

. caminho fácil

. mif

. fácil de entender?

.arquivos

. Julho 2017

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Julho 2013

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds